31/08/2018 - Institucional

 Gestão e sustentabilidade: Andreia Rabetim participa do CONARH 2018

 Fundação Vale fez a diferença nessa 44ª edição


Este ano, o Congresso Nacional sobre Gestão de Pessoas, CONARH, com o tema Protagonista da Transformação, convidou a Gerente de Parcerias Intersetoriais da Fundação Vale para compor o espaço Mundo Executivo. Em painel restrito para convidados, Andreia compartilhou suas experiências com presidentes de Conselhos, CEOs, executivos de RHs e de áreas pares. O evento realizado pela Associação Brasileira de Recursos Humanos, a ABRH, aconteceu de 14 a 16 de agosto em São Paulo, no São Paulo Expo e reuniu congressistas, expositores e visitantes nesses três dias.

No painel, Andreia dividiu com os participantes como a integração entre uma Fundação corporativa e o RH podem contribuir tanto para o desenvolvimento da força de trabalho da empresa quanto para a sociedade.

“O Espaço Mundo Executivo do CONARH 2018 foi um painel com discussões de temas vitais para os desafios globais de líderes e Heads de Recursos Humanos. A excelência da participação de Andreia Rabetim, mostrando os programas da Fundação VALE com o protagonismo das áreas de Recursos Humanos, mostrou e mobilizou para a grande contribuição necessária ao País, na melhoria de uma sociedade mais humana e com qualidade de vida e trabalho. ” – Leyla Nascimento, Presidente da Federação Mundial de Recursos Humanos.

 
A união de forças da Fundação Vale com o RH da Vale com esse propósito resultou em iniciativas sem recursos financeiros e, entre as inovações, está a construção de uma rede de investidores sociais (englobando empregados, fornecedores e clientes), com base no ODS 17, de parcerias e meios de implementação. O processo de construção dessa rede será acompanhado pelo Pacto Global Brasil e, com isso, será possível tornar o processo ainda mais rico e avançar progressivamente, ao pensarmos juntos novos arranjos e metas.
 

“As empresas são agentes importantes para o desenvolvimento da sociedade e as parcerias são essenciais para mudança acontecer. Quando os desafios são colocados sob diferentes visões, as soluções sustentáveis se aceleram, mas isso requer criatividade e inovação. A partir do momento em que o RH e Fundação se integram, a transformação se torna possível”, reforça Andreia.

 
Além disso, um estudo da McKinsey & Company, líder mundial no mercado de consultoria empresarial, aponta que instituições com equipes mais diversas são mais propensas a ter performance superior no resultado financeiro e no âmbito da reputação, em relação às outras. A Fundação Vale acredita que a diversidade pode criar a fluidez necessária para tornar o ambiente de trabalho mais dinâmico e inclusivo e vem implementando esta cultura para alcançar bons resultados no desenvolvimento nos territórios onde a Vale atua.